sábado, 31 de dezembro de 2011

NATAL!

Imagem retirada do site: www.google.com.br

Natal sem luz
Natal sem cor
Longe do meu amor...

Natal sem canção
 Natal sem emoção
Você longe do meu coração...

Natal com "tim tim"
Natal sem fim
 Você junto de mim...

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Uma Carta de Amor...

Imagem retirada do site: www.google.com.br


Eu quero escrever pra você uma carta de amor...
Com um punhado de vento
Para conduzir as borboletas
Levando meus beijos ardentes de amor
Com rosas perfumadas com cheiro meu
Embriagando teu paladar, levando-te ao apogeu
Eu quero escrever pra você uma carta de amor...
Levando meus sentimentos
Coisas que guando em meu peito e acalento
Desejos ardentes do corpo teu
Teu cheiro que inebria meu corpo como breu
Levando-me a loucura de ardente calor
Eu quero escrever pra você uma carta de amor...
Onde a escrita, transborde de cores
Apagando de minha vida as dores
Com aquarelas que fascinam o olhar
Nos desejos sem fim a me levar
No rio do amor que a vida vem ornar
Eu quero escrever pra você uma carta de amor...


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Prisão sem grades...



Imagem retirada do site:www.google.com.br

Despir meus sentimentos
Foi deixar-te cravar em mim os desejos
Assim percebi
Pluralidade de pensamento
Expresso em teu olhar
Aniquilando a minha nudez sentimental
Mostrando os meus anseios mais íntimos
Provando do desprendimento de sentimento
Tive medo de ir embora, embora não pareça
Senti-me livre para ficar prisioneira tua
Que liberdade é essa que aprisiona?
Que prisão mais cruel essa que vivo?
Prisão sem paredes...

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Ar Rarefeito


Imagem:www.google.com.br
Você causa em mim:
Abalos constantes
Desejos abundantes
Obsessões ambulantes
Alegrias exultantes
Adorações faiscantes
Sonhos hesitantes
Temores irritantes
Causa também:
Sono, náuseas, esgotamento...
Descobri em você
Meu Ar Rarefeito


sábado, 3 de dezembro de 2011

Andador




Sou como um andador
Não só porque ando...
Ando na dor
Da espera constante
De encontrar um amor
Que dor de andar...
Nas andanças que a vida dá
Dor sem andar, não seria dor
Seria apenas dor sem dó
Às vezes me pego a exclamar:
Anda dor, para de andar e
Deixa meu coração descansar!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Desejo


Imagem retirada do site: www.google.com.br

Geralmente fica explícito,
Quando você está perto do amor 
Com medo de exercer
 A delícia do prazer
Você se esconde
Sem saber então
Que não se manda no coração
Não foges de mim
Quero experimentar
 Os desejos teus
A eclodir com os meus
Assim será o desejo maior
A nos dá um nó
Com abertura para desatar
 O medo de amar

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Fica na Memória



Imagem retirada do site: www.google.com.br


Ficou na memória o ultimo beijo
O beijo que você queria recusar
Que insistia em permanecer atrelado aos seus
Meus lábios desejos do teu afeto
Ficou na memória teu calor
Quando me abraçava em tarde fria da serra
Teus desejos que exalava desejo
Teus toques que procurava a mim
Ficou na memória nossa partida
Tão distante ficastes
 Afastado de mim, se tornou um estranho
 Estranhei tal atitude
Ficou na memória apenas
O querer que me demonstrara outrora
Ficou na memória momentos vivido por nós
Momentos fugidios que não aconteceram
Ficou apenas em minha memória...

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Indecisão

 Imagem: www.google.com.br

Vasculhando minha gaveta
Encontro às cartas tuas
Já não sou a mesma...
Hoje, quero-te mais que outrora

Teus escritos, ainda me fascina
Essa é tua “arma secreta”
Sinto que ainda te quero tanto...
Mas, também quero não querer mais

Temo não deixar de te querer nunca
Se o nunca existir...
Não esqueça que um dia você foi meu
Mesmo que por pequenos instantes

Ao contrario, eu sou tua constantemente
Mesmo que eu queria deixar de ser
Meu pensamento recusa-se em deixar-te
Felicidade inconstante, incessante...


Espero uma luminosa manhã
Para que traga um pouco de sol
A iluminar o meu pensar e anseio
Com céu azul a iluminar meu coração

Vou parar de chorar ao raiar o novo dia
Saindo da beira do abismo
Só assim dançarei, cantarei...
E a alegria voltará a habitar meu ser

O canto será meu céu
O eterno será música
O gosto será a saudade
E você... Será apenas lembrança

De quando gostava de contemplar-me
Com a pele bronzeada como se fosse
“Sombra de cajueiro florido”
Velaras, chamaras e perguntará por mim

Estaremos dentro de nós
Como silencia a voz da noite
Procurará a verdade de luz
Perguntando sem cessar
Onde estará o meu amor?!

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Revelação


Imagem retirada do site: www.google.com.br

Tento me esconder
De tudo que tenho medo de viver
Deixarei o amanhã falar de nós
Mesmo que fiquemos sós

Não me torture com tua ausência
Ela seria fatal
Causar-me-ia mal
Não saber de tua essência

Por isso, então
Abro meu coração
Em momento indizível
Tornar-me-ei visível

sábado, 1 de outubro de 2011

Arde em mim

Imagem retirada do site: http://www.google.com.br/




Eu
Vejo que
Como a noite
Nasce em mim
O desejo no fim da tarde
O sol a abrasar o meu coração
Tudo fica quente em mim
Tudo fica belo de’ntre mim
Como o ouro a clarear o desejo
Teu corpo que arde de’ntre mim
Quando estamos juntos no fim da tarde

Dentro de minha solidão
Vejo-me toda nua
Na virgindade do desejo
Que arde em mim
No esconderijo do medo de amar
Sinto teu sussurro em meu ouvido
A brandura indizível de tua voz
Chamando-me Verdade de Luz

Encantada, percebo a vida em me brotar
Com prazer e desejo inabitável
Sem encontrar respostas claras
Que brotão e arde em mim no final da tarde...

domingo, 25 de setembro de 2011

PalavrasEntrePalavras

Imagem retirada do site: www.google.com.br
Ilumine as semanas
Elas precisam da arte
Com as palavras que de te emana
Essência que de te faz parte

Encontro virtual
Que tenho com você
De modo natural
Que me dá prazer

Deixe fluir as palavras tuas
Fazendo-me prisioneira
A amizade atua
Entrepalavras
Nos escritos teus

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Momentos



Imagem retirada do site: www.google.com.br

Posso continuar te gostando
Mesmo percebendo que não queria isso
Quero-te muito

Namorar, penso ser
O que emana sentimentos
Que você é uma pessoa maravilhosa
Que sabe amar mesmo sem saber que sabe
É fiel sem ser
E o que você diz ser problema,
É apenas lógica

Pesquisar em suas fontes mais profundas
Não vai mudar a lógica das coisas
Um dia juntarei algumas mídias
Talvez Seja Real, Mel e Sol e Sombra de uma Árvore
Ficam tão bem que você nem imagina!

Você é de raízes
Tem que se ter muita coragem
Pra ficar e enfrentar
Do que simplesmente partir e ir

Queria ser como as planta aquáticas
Me deixar levar pelas águas e percorrer rios

Assim, poderia te encontrar no Pacífico
E quando isso acontecesse
Veria quão vislumbrada eu ficaria

Encontrando-te, tomaria posse daquilo que falo
Se o que falo é muito mais intenso que pensas
Ou em penúria falas

Mas, quando esse instante acontecer, não precisaria falar
Porque nosso sentimento se eclodiria
Em ternura e desejo de permanecermos juntos



Bicho de Sete Cabeças



Imagem retirada do site: www.google.com.br

Amar e ser amada
Beijar e ser beijada
Com alegria sem fim
Você dentro de mim
Eclosão de amor
 Sem nenhum pudor


sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Amorfo

 
Imagem retirada do site: www.google.com.br

Nutro por você, um sentimento amorfo
Por esse motivo, não consigo desvencilhar-me
Porque se tivesse forma, saberia lidar e conduzi-lo
Conclamo a minha razão para desvencilhar-me
E mesmo assim, não consigo
Sabendo que minha vida é fugaz
E o tempo não me esperará
Detecto o sentimento nefasto
Que corrói minha razão
Tento usar “armadilhas” e táticas que se tornam
Obsoletas diante do meu sentimento.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Ser

 
Imagem retirada do site: www.google.com.br

Seja real
Seja normal
 Seja o que for
 Sinto por você amor
 Amor inesperado
 Amor desesperado
 Amor inenarável
Saudade vem e grita
 Com você
 Comigo
 Esperando enfim
 Que juntemos então o sentimento
Normal sentido de igual
Amor sem complicação
Sem depressão
 Sem ilusão
Será possível enfim
 Você junto de mim?

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Seria Sereia

Imagem retirada do site: www.google.com.br

Estou
Fascinada
Encantada
Querendo no mar
Grita de amor
Encantar e cantar
Sem causar pavor
Para ter você
No mar da paixão
Azul celestial
Como amor fatal
Meu reflexo
Não consigo ver
 Porque procuro
Parte de mim em você
O impossível espero que aconteça
Encontrar você no infinito do mar
Agente ainda vai se encontrar
 Parte de me separada
 Quero um dia juntar
Você e eu
Eu e você
Haverá
Amor
Amo
Você
Eu

domingo, 31 de julho de 2011

Solidão

              
Imagem retirada do site: www.google.com.br
Queria na realidade
Poder pelo menos
Contigo está
Assim, saberia
Que meu coração
Não morreria de paixão
Mas não posso,
Nem você deseja
O que fazer então
Com essa solidão
Que dilacera meu coração?